Ponta Porã/MS, Sábado, 19 de Setembro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 17h:42
Tamanho do texto A - A+

Reforma administrativa deve interferir em serviço público

O projeto será apresentado pelo Governo ainda em fevereiro

Norton Soares
Capital News

Divulgação

Reforma administrativa deve interferir em serviço público

Vista do Congresso Nacional

A reforma administrativa brasileira será apresentada para o Congresso ainda em fevereiro deste ano, com previsão de ser aprovada em partes até 2022.

Em pronunciamento, o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Paulo Uebel, disse nesta quinta-feira (16), que a reforma é uma das apostas do governo Bolsonaro para melhorar a economia do país.

Serão feitas mudanças constitucionais na reforma, requerendo aprovação de uma PEC ou uma mudança infraconstitucional pelo Congresso Nacional.

É previsto que esta reforma administrativa interfira na carreira dos servidores públicos, mas o governo garantiu que não fará mudanças estruturais, como redução de salários, desligamentos e estabilidade dos servidores atuais, mas dos que ainda irão ingressar no serviço público.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix