Ponta Porã/MS, Domingo, 08 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quinta-Feira, 13 de Junho de 2019, 16h:54
Tamanho do texto A - A+

Guarda Municipal apreende quase 10 kg de maconha em oito horas

Uma mulher foi presa e três adolescentes apreendidos durante os flagrantes

Renato Giansante
De Dourados para o Capital News

Divulgação/GMD

Guarda Municipal apreende quase 10 kg de maconha em oito horas

Drogas pesaram quase 100 kg na totalidade e foram apreendidas pela Guarda Municipal

A Guarda Municipal de Dourados (GMD) efetuou a apreensão de quase 100 kg de maconha em apenas oito horas dentro do Terminal Rodoviária do município nesta quarta-feira. Durante os três flagrantes, três adolescentes foram apreendidos e uma mulher presa.

A primeira apreensão aconteceu por volta das 16h quando duas adolescentes de 17 anos, ambos moradoras em Rondonópolis (MT), foram abordas pela equipe da Guarda na plataforma de embarque de passageiros. Na averiguação foram encontrados em suas bagagens 36 tabletes de maconha que pesaram 27,150 kg do entorpecente. As meninas confessaram que estavam transportando a droga de Ponta Porã e levariam para Rondonópolis, onde receberiam R$ 3 mil pela ação criminosa. As adolescentes foram apreendidas juntamente com o entorpecente e encaminhados a Delegacia de Polícia Civil.

Divulgação/GMD

Guarda Municipal apreende quase 10 kg de maconha em oito horas

Drogas pesaram quase 100 kg na totalidade e foram apreendidas pela Guarda Municipal


Já por volta das 19h, uma mulher de 24 anos também foi flagrada na plataforma de passageiros com 19 tabletes de maconha, que pesaram 15,3 kg. Na ação, os GMs conseguiram localizar outra mala que estava abandona na plataforma com 19 tabletes de maconha dentro, que pesaram 15,150 kg, não sendo possível prender o proprietário da bagagem, pois fugiu sem ser identificado.

E por volta das 23h uma adolescente de apenas 16 anos foi apreendida transportando maconha. Com essa menor, foram encontrados 26 tabletes de maconha, que pesaram 30,2 kg. A menor relatou aos guardas que havia sido apreendida no Paraná, também por tráfico. Desta vez, ela confessou que pegou a droga no Paraguai pagando R$ 6 mil e levaria até Chapecó (SC) para revender cada tablete entre R$ 1,2 mil a R$ 1,8 mil e estimava lucro de R$ 30 mil. Diante dessas informações a adolescente foi apreendida e encaminhada a Delegacia de Polícia Civil junta com a droga localizada.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix