Ponta Porã/MS, Terça-Feira, 22 de Junho de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Sábado, 15 de Maio de 2021, 19h:53
Tamanho do texto A - A+

Embriaguez ou brincadeira: Possivelmente atropelada pelo namorado jovem de 19 anos estava em capô de carro

Acusado apresentou duas versões sobre a morte da vítima e imagens de câmeras de segurança vão ajudar na dinâmica do acidente

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PCMS

Embriaguez ou brincadeira: Possivelmente atropelada pelo namorado jovem de 19 anos estava em capô de carro

Câmeras de segurança registraram a jovem agarrada ao capô

Mariana Vitória Lima, 19 anos, morreu na madrugada deste sábado (15) após uma colisão no bairro Chácara Cachoeira. A vítima estava segurando no capô do carro que estava sendo conduzido pelo seu namorado também de 19 anos. De acordo com a delegada responsável pela investigação Joilce Ramos, da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), durante coletiva de imprensa, o acusado apresentou duas versões sobre o acidente, sendo que na primeira a jovem teria subido no capô durante uma brincadeira e na outra para evitar que o jovem dirigi-se embriagado.

 

Segundo as informações  da Polícia Civil, o casal estava junto a quatro meses e na sexta-feira (14) foram em uma festa na casa do primo do acusado, após o evento eles foram até a casa da vítima e saíram com o Toyota Etios para lanchar, como estava fechado eles teria decidido ir para a casa do rapaz. A fatalidade aconteceu na na Avenida Arquiteto Rubens Gil de Camilo, sentido Via Park. O acusado relatou que teria perdido o controle do veículo em uma curva e bateu com o carro em  uma árvore e depois em um poste. Em depoimento na especializada, ele ainda retira relato que pegou a jovem desacordada e a colocou no asfalto. O carro estava a 56 metros de distância do corpo de Marina

Mariana teve múltiplas fraturas, sendo uma delas no pescoço, também havia marcas de pneu na barriga. O Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran) foi acionado e o jovem passou pelo teste do bafômetro que acusou 0,89 mg/l. Namorado de Marina foi autuado por feminicídio e embriaguez ao volante e já teria se envolvido em um acidente quando adolescente. A delegada também informou que as imagens de câmeras de segurança da região vão ajudar com a dinâmica do acidente.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix