Ponta Porã/MS, Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 18h:29
Tamanho do texto A - A+

Caminhonetes ‘recheadas’ de maconha são apreendidas

Caso aconteceu em ação conjunta da PMA MS e PR

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PMA

Caminhonetes ‘recheadas’ de maconha são apreendidas

Caso aconteceu na quarta-feira

Policiais Militares Ambientais de Mato Grosso do Sul e da Força Verde (PR) realizavam fiscalização ambiental conjunta, no município de Itaquiraí, na última quarta-feira (23), quando duas caminhonetes, uma Toyota Hilux e uma Chevrolet S10 furaram o bloqueio e se evadiram. Uma terceira caminhonete, também uma S10, ao avistar a barreira policial efetuou uma manobra brusca de retorno e tomou rumo ignorado.

 

Segundo as informações da PMA, a caminhonete Hilux avançou contra um componente da equipe, tendo esse atirado contra o pneu na intenção de que ela parasse. As equipes iniciaram perseguição às caminhonetes, sendo que o motorista da Hilux perdeu o controle e saiu da pista. Rapidamente ele abandonou a caminhonete e fugiu pela mata. Na Hilux havia 1.096 Kg de maconha. Uma das viaturas continuou perseguindo a Chevrolet S10, que apresentou problemas mecânicos e parou já no município de Icaraíma (PR) e a equipe prendeu o traficante.

 

No veículo havia 1.063 kg e 520 gramas de Skank. O traficante  de 29 anos informou que iria levar a droga para Umuarama, cidade onde reside. A caminhonete S10 era produto de furto. Os Policiais deram voz de prisão ao infrator e uma das equipes o encaminhou, juntamente com as duas caminhonetes e os 2.159 kg de maconha e 520 gramas de Skunk, à Polícia Federal de Naviraí, onde o infrator foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e receptação de veículo.

 

A outra equipe continua em diligências na tentativa de prender o outro traficante, bem como realizar a apreensão do outro veículo e possível prisão do terceiro traficante que empreendeu fuga. As forças de segurança da fronteira e da divisa dos Estados foram comunicadas e também apoiam as diligências.  

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix