Ponta Porã/MS, Quarta-Feira, 18 de Setembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Terça-Feira, 10 de Setembro de 2019, 10h:59
Tamanho do texto A - A+

Após se masturba para mulher, tarado tenta agredir policiais

Acusado por ser punido com prisão de um a cinco anos

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/Porã News

Depois de se masturba para mulher, tarado tenta agredir policiais

Crime aconteceu em uma praça em Ponta Porã

Acusado de mostrar seus órgãos genitais e se masturbar para uma mulher de 27 anos, um homem de 23 anos foi preso. Ele ainda tentou agredir os policiais militares. O caso aconteceu na segunda-feira (9) em uma praça em Ponta Porã.

A mulher estava no local quando o acusado mostrou seu órgão genital para a mulher e começou a se masturbar. Após acionar a polícia, se acordo com o site Porã News, o autor fugiu, porém logo depois foi localizado. Durante a sua prisão ele tentou agredir os militares que tiveram de usar força para levá-lo para a delegacia.

O crime de importunação sexual, definido pela Lei n. 13. 718/18, é caracterizado pela realização de ato libidinoso na presença de alguém de forma não consensual, com o objetivo de “satisfazer a própria lascívia ou a de terceiro”. O caso mais comum é o assédio sofrido por mulheres em meios de transporte coletivo, mas também enquadra ações como beijos forçados e passar a mão no corpo alheio sem permissão. O infrator pode ser punido com prisão de um a cinco anos.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix