CapitalNews

Quinta-Feira, 15 de Agosto de 2019, 12h:55

Bolsonaro suspende radares em Rodovias Federais

Medida vale para equipamentos estáticos, móveis e portáteis

Laryssa Maier
Especial Capital News

PRF/Divulgação

PRF lança Operação Carnaval com 38 novos pontos de radar na BR-163

Aqueles instalados em postes ao lado das rodovias, não entram nessa suspensão.

O presidente Jair Bolsonaro determinou a suspensão do uso de radares, "estáticos, móveis e portáteis". Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio de despachos publicados nesta quinta-feira (15) no Diário Oficial da União, que suspenda o uso de radares até que o Ministério da Infraestrutura “conclua a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas”.

 

De acordo com o texto,a suspensão tem por objetivo “evitar o desvirtuamento do caráter pedagógico e a utilização meramente arrecadatória dos instrumentos e equipamentos medidores de velocidade”.

 

No texto, o presidente determina que o Ministério da Infraestrutura faça a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas, especialmente com relação ao uso de equipamentos estáticos, móveis e portáteis.

 

Na manhã desta quinta-feira Bolsonaro destacou que os radares fixos, aqueles instalados em postes ao lado das rodovias, não entram nessa suspensão, pois o governo tem contratos com empresas que operam esses equipamentos. “Não vamos alterar contratos”, mas o presidente já afirmou, que a intenção é, ao fim do prazo, não renovar esses contratos.

 

O despacho do presidente pede também que o ministério “proceda à revisão dos atos normativos internos que dispõem sobre a atividade de fiscalização eletrônica de velocidade em rodovias e estradas federais pela Polícia Rodoviária Federal.

 

Segundo o Presidente, radares móveis funcionam como uma "pegadinha", "um caça-níquel". 

 


Fonte: CapitalNews

Visite o website: wwww.capitalnews.com.br