Ponta Porã/MS, Terça-Feira, 22 de Outubro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quarta-Feira, 02 de Outubro de 2019, 16h:53
Tamanho do texto A - A+

Foi lançado oficialmente o Mapa Estratégico do Turismo de Mato Grosso do Sul

Primeira iniciativa do CET

Laryssa Maier
Capital News

Débora Bordin/Fudtur

Foi lançado oficialmente o Mapa Estratégico do Turismo de Mato Grosso do Sul

O diretor-presidente da Fundação de Turismo de MS, Bruno Wendling, ressalta a construção conjunta do mapa estratégico do turismo

Um os principais temas pautados durante a 5ª Reunião Ordinária do Conselho Estadual de Turismo-CET de 2019, foi sobre o lançamento oficial do Mapa Estratégico do Turismo de Mato Grosso do Sul 2019/2029. A reunião ocorreu nesta segunda-feira (30), na Capital e contou com a presença do Secretário de Estado de Gestão Estratégica (Segov), Eduardo Riedel.

 

“Sabemos que há necessidade de manter investimentos no turismo, na cultura e no esporte, pois são ferramentas extremamente estratégicas para o desenvolvimento do estado. Por isso parabenizo a decisão de fazer o mapa estratégico do turismo nesse formato extremamente moderno. É um instrumento de diretriz de trabalho eficaz para o turismo de Mato Grosso do Sul. Tenho que salientar que fiquei muito feliz com um dos temas, que é infraestrutura e acesso, pois é uma das prioridades do governo do estado”, pontua o secretário Eduardo Riedel.

 

Segunda assessoria o mapa estratégico, resultado de uma das primeiras iniciativas do CET e que será revisado anualmente, tem cinco eixos de atuação: Infraestrutura e Acesso, que tem como objetivo melhorar a infraestrutura e ampliar o acesso aos destinos de MS; Governança, que pretende promover a continuidade das políticas públicas do turismo do estado; Produto, que visa aumentar o fluxo de turistas através de experiências; e Promoção, que tem como meta atingir os diversos públicos com consistência e qualidade de informação, alinhados aos hábitos de consumo.

 

O diretor-presidente da Fundação de Turismo de MS, Bruno Wendling, ressalta a construção conjunta do mapa estratégico do turismo. “Esse mapa é resultado de esforços de todos os integrantes do Conselho e será trabalhado de forma compartilhada. Queremos ser assertivos e por isso é um mapa bem sucinto, com apenas 4 eixos temáticos, quatro estratégias e quatorze ações para serem desenvolvidas num período de doze meses. Cada uma das entidades que compõe o CET será responsável por algumas das linhas de ação. Se em algum momento entendermos que precisamos revisar as estratégias ou linhas de ação, faremos isso anualmente”.

 

A 5ª reunião do CET de 2019 abordou também temas como a rota cultural da Retirada da Laguna, apresentada pelo Tenente Coronel do Comando Militar do Oeste, Niedson de Carvalho de Mendonça, e o Festival América do Sul-Pantanal, apresentado pela diretora-presidente da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, Mara Caseiro, que fala sobre a importância da integração entre os dois setores. “Precisamos unir turismo e cultura para que possamos trazer mais visitantes do Brasil e do mundo para o Mato Grosso do Sul e que eles possam conhecer toda a nossa riqueza”, finaliza.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix