Ponta Porã/MS, Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Sábado, 13 de Julho de 2019, 10h:12
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Senado aprova criminalização do caixa 2 e senador reclama: “E eu vou para a cadeia?”

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Roque de Sá/Agência Senado

ColunaMarcoEusébio

Senador Marcelo Castro (MDB-PI): 'E eu vou para a cadeia, cinco anos de cadeia? Isso não tem pé nem cabeça'

A CCJ do Senado, presidida por Simone Tebet (MDB-MS), aprovou na quarta (10) por dezessete votos a dois projeto que criminaliza o caixa dois e estipula pena de até cinco anos de prisão, podendo chegar em alguns casos a oito anos e quatro meses. A votação foi em caráter terminativo e o texto não precisa passar pelo plenário, seguindo direto para a Câmara. A proposta faz parte do pacote anticrime o ministro Sérgio Moro (Justiça), reapresentado no Senado por Eliziane Gama (PPS-MA) devido à tramitação lenta na Câmara. Conforme o jornal O Globo, na sessão o senador Marcelo Castro (MDB-PI) disse que é "praticamente impossível" garantir que uma campanha não tenha nenhum centavo não contabilizado. Ele contou que, em uma campanha, seu filho comprou um carimbo, mas deixou de declarar. Em seguida, afirmou: "E eu vou para a cadeia, cinco anos de cadeia? Isso não tem pé nem cabeça. (...) Vamos parar, vamos raciocinar, vamos pensar. Eu topo: pegou caixa dois, perdeu o mandato, saio tranquilo e vou casa para viver com minha família. Agora ir para a cadeia? Tá doido! De jeito nenhum!". No Twitter, Moro parabenizou os senadores que aprovaram a medida.

 

 

   Leia a coluna de hoje clicando aqui em Marco Eusébio in Blog

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix