Ponta Porã/MS, Sexta-Feira, 17 de Novembro de 2017 | 14:15
27˚
(67) 3042-4141
CapitalTV
Domingo, 24 de Janeiro de 2016, 13h:31
Tamanho do texto A - A+

MST denuncia poder público por descaso aos assentamentos

A situação se agravou com as fortes chuvas do último período

Myllena de Luca
Capital news

Vídeo: assessoria

 

Os assentamentos de Mato Grosso do Sul sofrem com o descaso dos poderes constituídos principalmente em período de chuvas, como foram os últimos 60 dias. Muitas famílias estão ilhadas e perderam plantações. Ainda não se sabe o tamanho do prejuízo.


De acordo com assessoria, os Sem Terra do Conquista na Fronteira, localizado na Nova Itamarati, distrito do município de Ponta Porã, área da antiga Fazenda Itamaraty, desapropriada em 2002 para reforma agrária e implantação de um assentamento.


O assentado Sebastião Simão afirma que eles se reuniram e estão pagando do próprio bolso, nos grupos coletivos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), cerca de R$ 5 mil reais para jogar terra seca, patrolar e nivelar as estradas. “Estamos em verdadeiro estado de emergência e se não tirarmos dinheiro do próprio bolso não vamos conseguir sair com a nossa produção do assentamento, pelo menos o pouco que sobrou depois de tanta chuva. Além disso, tem o leite que é a sobrevivência de uma grande maioria que está se perdendo todos os dias, por isso nos unimos e estamos fazendo o papel que deveria ser feito pelo poder público, mas é a nossa única saída”, afirma.

 

O MST tem feito articulações nacionais e locais para conseguir recursos que possam ser investidos na infraestrutura dos assentamentos, principalmente nas estradas que garantem o escoamento da produção. No começo de fevereiro uma agenda com diversos órgãos públicos e agentes políticos, como Incra, MDA, Governo do Estado, Exército, Integração Nacional, prefeitos, deputados para se debater a situação.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix